Todas as SeÇões
Agronomia
Antropologia
Arquitetura
Artes
Biologia
Botânica
Ciências Humanas e Sociais
Comunicação
Contabilidade
Direito
Economia
Educação
Enfermagem
Engenharia Sanitária
Etnologia
Filosofia
Física
Geografia
Geologia
História
Letras
Língua Inglesa
Literatura
Matemática
Medicina
Meio Ambiente
Movimentos Sociais
Política
Psicologia
Química
Saúde
Serviço Social
Sociologia
Zoologia

Promoção para estudantes: 50% de desconto!

Busca:      
O Social Multifacetado
Erivã Velasco e Marilda Matsubara (Org.)
Coletânea de ensaios produzidos por docentes da área de Serviço Social. Concentra-se na discussão das diferentes formas com que essa esfera de conhecimento interfere e atua no interior da sociedade. Os textos tratam de temas como a formação e atualização do Assistente Social, a questão agrária no estado de Mato Grosso e as intervenções do profissional nos assentamentos; as políticas de saúde e o processo de implantação do SUS; a questão social da criança e do adolescente; os movimentos populares urbanos; e a concepção e atuação do Assistente Social no contexto contemporâneo.
+ Informações

Questão social e serviço social no Brasil: fundamentos sociohistóricos
Ivone Maria Ferreira da Silva
A obra apresenta uma abordagem inovadora do tema e das relações entre Questão Social e Serviço Social, descortinando criticamente os fundamentos da questão social desde suas raízes coloniais até suas novas expressões no capitalismo contemporâneo. Ao dar voz aos pioneiros e contemorâneos permite a interlocução de gerações e a análise da profissão no contexto da história social, cobrindo uma lacuna na historiografia do Serviço Social Brasileiro.
+ Informações

Tecendo Cidadania
Marilda Matsubara
O tema focalizado nesta obra é o grupo de Saúde Popular, do Bairro Alvorada, no município de Cuiabá, constituído no contexto da mudança do regime autoritário para a construção de uma sociedade democrática no Brasil e que, juntamente com outras organizações e movimentos populares surgidos na mesma época, discute, articula e busca alternativas para a melhoria das condições de vida da população. A autora analisa a mobilização e a organização da sociedade civil, carente de políticas sociais, a partir do avanço da fronteira agrícola e do processo de migração massiva, nos anos setenta, do pequeno agricultor para a cidade, sem o respaldo de políticas sociais condizentes com os problemas decorrentes desse deslocamento. Também põe em evidência a importância dessas novas formas de organização social e aponta suas fragilidades, emoldurando a temática com o mapeamento e avaliação das práticas organizativas e educativas desenvolvidas pela Comissão de Saúde, instância do Grupo de Saúde Popular do referido bairro
+ Informações

 
© 2010 EdUFMT Todos os direitos reservados.
Fone: (65) 3615-8322 / FAX: (65) 3615-8325